Uma história aterrorizante veio à tona, na cidade de Maribomdo, no interior de Alagoas, quando uma mãe foi presa, suspeita de vender a própria filha de apenas 4 anos, para dois idosos abusadores, que também foram presos por estupro de vulnerável.

A Polícia Civil do 101º DP, concluiu uma investigação que apontava que a mãe da criança, uma jovem de 20 anos, permitia que a filha fosse abusada sexualmente por dois idosos de 78 e 81 anos, mediante pagamento de R$ 50.

No celular dos acusados, foram encontradas conversas em aplicativo de mensagem, que provam os delitos. Nas conversas, o papo era aberto e sem pudor sobre os abusos e preços combinados.

Uma vez acertado o valor, os homens iam à casa da vítima, no centro da cidade, onde cometiam os abusos na frente da mãe da criança. Entre os atos lascivos, eles introduziam o dedo na vagina da criança e mandava ela segurar o pênis deles, durante os abusos.

Não há informações sobre o pai da criança e há quanto tempo os abusos eram cometidos. Após a criança confirmar os abusos, ela foi encaminhada para um abrigo.

A mãe da menina e os idosos vão responder pelo crime de estupro de vulnerável, com pena prevista de 6 a 8 anos em regime fechado. 


Fonte: bocão 64

BAHIA NA NET - NOTÍCIAS
BAHIA NA NET - NOTÍCIAS