Prefeitura de Belmonte se nega ajuda ao Projeto Visão sem Fronteiras e tenta dificultar o andamento dos trabalhos.

segunda-feira, 22 de novembro de 2021

/ Por: ...


A assessoria do Vereador Paulinho de Papau informou à nossa equipe que o mesmo enviou um ofício pedindo que o Posto de Saúde do Bairro da Biela e o Posto de Saúde de Barrolândia fossem disponibilizados para que as equipes fizessem os exames, mas a gestão municipal negou a autorização. Diante disso, com a ajuda do Vice-prefeito Flavielle de Sá, Paulinho de Papau conseguiu adaptar os espaços concedidos para acolher as equipes médicas. “Foi um grande esforço feito, já que, sem um espaço adequado os trabalhos teriam que ser cancelados e a população belmontense perderia a chance de ter os tratamentos ofertados.” – Comentou o Vereador.

Na manhã dessa segunda-feira, durante os atendimentos, nossa equipe recebeu a informação de que membros da Vigilância Sanitária estiveram no local para fiscalizar os procedimentos sanitários e se as equipes de trabalho estavam atendendo os protocolos de segurança contra o COVID-19. A assessoria do Vereador informou que todas as informações foram prestadas ao órgão de fiscalização e que os trabalhos continuam acontecendo normalmente.


Fonte: MaisBn

Sem comentários

Enviar um comentário

Mais
© EQUIPE DE IMPRENSA
EMPRESA MJM COMUNICAÇÃO E PUBLICIDADES CNPJ: 40.198.174/0001-25.