ELEIÇÕES 2024

ELEIÇÕES 2024

Itapebi e alvo da Operação da polícia civil‘Unum Corpus’ que mira suspeita de homicídios e integrantes de facções

terça-feira, 12 de dezembro de 2023

/ Por: BAHIA NA NET 04

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta terça-feira (12) a 11ª Fase da Operação Unum Corpus, que mira pessoas envolvidas com crimes de homicídio, contra o patrimônio e integrantes de organizações criminosas. A ação ocorre em mais de 400 municípios baianos, onde investigadores cumprem centenas de mandados judiciais.

Ao todo, mais de 1.100 pessoas foram presas nas dez fases anteriores, por meio do Departamento de Polícia do Interior (Depin). Em edições da operação realizadas nos meses de março, junho e outubro deste ano, 650 pessoas foram detidas.

Em Itapebi na tarde desta terça-feira (12), viaturas da policia civil, estiveram cumprindo um mandato de prisão expedido em desfavor do ex-prefeito Esmeraldo Costa Santos, em sua residência na Avenida Othon Cachoeira no centro de Itapebi. Os policiais não o encontraram para cumprir esse mandato, vizinhos e comerciantes no local informaram que o mesmo já há algum tempo não é visto na cidade.

O Caso

O ex-prefeito foi condenado pela morte de Gilberto Rodrigues Esteves, conhecido como Giba, na época, presidente da Câmara de Vereadores de Itapebi. O crime aconteceu na noite de 11 de junho de 1995, no Clube Social, localizado, na Cidade Histórica “Cidade Baixa”, onde acontecia uma festa.  Giba foi alvejado na cabeça e teve morte instantânea. A morte do vereador teve repercussão em toda Bahia, e estava no rol dos insolúveis. O processo se arrastava há 20 anos, e somente na madrugada do dia10/07/2014, no Salão do Júri, do Fórum Mário Albiani, na cidade de Eunápolis, os envolvidos sentaram-se no banco dos réus com a condenação do ex-prefeito de Itapebi, Esmeraldo Costa Santos, a 14 anos de prisão em regime fechado, a ser cumprido no Conjunto Penal de Eunápolis. Os dois acusados que foram julgados no mesmo júri eram Policiais Militares, um foi absolvido e o outro recorreu da decisão e continua em liberdade.

Nas dez etapas da Unum Corpus, em outros municípios baianos, os agentes também cumpriram mais de 1.800 mandados de busca, apreenderam mais de meia tonelada de drogas e retiraram de circulação 267 armas de fogo. Além disso, mais de 70 veículos utilizados em crimes ou com restrição de furto e roubo foram apreendidos.


Informações Polícia Civil 

Mais
© BAHIA NA NET - NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados.