ELEIÇÕES 2024

ELEIÇÕES 2024

Escândalo: Laudo de Exame Pericial sobre caso da cigana Hayra foi extraído de processo sigiloso envolvendo crianças

sexta-feira, 15 de dezembro de 2023

/ Por: BAHIA NA NET 04

Mais um escândalo paira sobre o caso da morte da cigana Hyara Flor, ocorrida no dia 06 de julho deste ano, na cidade de Guaratinga, no extremo sul da Bahia.

Alguém com habilitação nos autos processuais, onde somente três entes possuem acesso, sendo esses, o representante do poder judiciário, o Ministério Público e advogados das partes extraiu o Laudo Pericial do processo sigiloso, onde envolve crianças. Se não foram esses três, alguém cometeu crime de tráfico de influência, criando com isso, uma enorme gama de postagens no Tiktok, em sites e blogs da região e redes sociais com a clara intenção de criar comoção junto à população, e induzir a Justiça a erro.

O grande questionamento que está predominando no meio Jurídico, dentro da Polícia Civil e advogados da área criminal, é como um Laudo onde consta nomes de crianças foi parar no blog Furo31, na cidade de Guaratinga, onde o caso aconteceu, e quem fez tal documento exclusivo da Justiça, juntado há dias no processo, parar nas mãos de terceiros, inclusive o próprio blog expor o Laudo e colocar a sua marca, denotando que  recebeu o documento sigiloso de forma única e exclusiva, e de posse deste documento, o blogueiro Adson Rodrigues, fez questão de entrevistar o senhor  Iago Alves, parte interessada, e posteriormente postou o vídeo. Este mesmo site, no dia 31 agosto postou a decisão por inteiro da Juíza da Comarca.

O blogueiro Adson Rodrigues insinuou que o estava de posse de um novo Laudo, no entanto, o documento está datado de 05 de setembro, assinado pelo perito criminal Paulo Sérgio Portela de Oliveira, e conforme explicou o Delegado de Guaratinga, nesta quinta-feira, 14, à editoria do agazetabahia, não existe Laudo novo, este foi extraído e exposto no blog Furo31,  foi juntado aos autos há dias.


Conforme explicações de advogados criminalistas, consultados pelo site agazetabahia sobre essas postagens e sites e redes sociais, O Laudo não é conclusivo, tanto assim, está consignado pelo perito criminal Paulo Sérgio Portela, a seguinte observação: "As amostras das principais personagens ligadas ao fato, Amadeus Silva Alves e Hyara Flor não foram encaminhadas para a Coordenadoria".

O Laudo extraído e publicado nas redes sociais não diz nada de novo, pois as principais personagens não tiveram amostras periciadas.


Outro aspecto gravíssimo é a exposição das partes, envolvendo crianças, fato que viola inclusive o Artigo 5 do ECA, Lei 8089/90, que diz o seguinte: Nenhuma criança ou adolescente pode ser objeto de qualquer forma desumana, de violência, e opressão.

A divulgação do Laudo, retirado de um processo sigiloso mácula a idoneidade processual, motivando diretos, e prejudicando os representantes processuais das partes.

As autoridades devem apurar e responsabilizar os agentes que promoveram o ato, retirando o Laudo Pericial e levando-o a público. Na próxima segunda-feira a reportagem do agazetabahia vai tentar ouvir o Promotor da Comarca de Guaratinga Helber Luiz Batista sobre as providências a serem tomadas a respeito do extração do Laudo Pericial, datado de 5 de setembro. Bem como o advogado Homero Mafra, do senhor Amorim.


Fonte: Agazeta-Bahia 

Mais
© BAHIA NA NET - NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados.