A DEAM - Delegacia de Atendimento à  Mulher, investiga a denúncia de uma suposta importunação sexual cometida pelo médico Anderson Riccelli que também é vereador no município, eleito pelo Podemos, nas últimas eleições.

 

O fato teria ocorrido na última semana, no horário do almoço, na Unidade Covid, no Distrito do Arraial d’Ajuda, onde o acusado também atende como médico e a denunciante como auxiliar de farmácial.

 

A denunciante relata que teria sido apalpada nas pernas e ao se sentir importunada, se afastou e se dirigiu ao banheiro, sendo acompanhada pelo médico que a assediou na porta.

 

Informações dão conta que a Deam enviou equipe para apuração dos fatos e solicitou as imagens das câmeras de segurança. A delegada titular da Deam, Dra. Elisabeth Salvateu já colheu o depoimento da denunciante, vai ouvir uma testemunha e posteriormente, o vereador Anderson.


Em um canal do Instagram, o vereador negou o fato e afirma que a situação não passa de um mal-entendido. “Não estou acreditando que isso esteja acontecendo! Eu tenho o maior respeito por todas as mulheres. Sempre trato todas de forma respeitosa. Jamais cometeria algo que fosse desconfortável com essa colega”, disse o vereador.



Fonte: Imprensa Na Net

BAHIA NA NET - NOTÍCIAS
BAHIA NA NET - NOTÍCIAS